Diferenças Entre Massagem Linfática e Redutora (Anti-celulite)

A massagem linfática, também chamada de ou conhecida como drenagem linfática, frequentemente é confundida como massagem redutora contra a celulite pelo público em geral.

Apesar de existirem algumas similaridades entre as duas técnicas, há também diferenças notáveis e objetivos diversos consideráveis que poderão trazer benefícios completamente diferentes.

Sendo assim, torna-se fundamental, não somente para os profissionais massagistas, mas também para o público interessado e pacientes, conhecer com detalhe as técnicas empregadas nas duas modalidades terapêuticas para coincidir com os objetivos almejados.

O que a massagem linfática realmente faz e como funciona?

Massagem-linfatica-diferenca

A massagem linfática, também conhecida como drenagem linfática, é a técnica que atua no nosso sistema linfático, eliminando as impurezas dos tecidos massageados.

O que ocorre é que a drenagem linfática ajuda na eliminação dos fluídos do nosso corpo responsáveis pelo transporte de toxinas e impurezas.

Além disso, a estimulação com a massagem acelera e intensifica a produção de linfa, fluido orgânico presente no sangue que transporta os glóbulos brancos, atuando diretamente no sistema imunológico, lutando contra infecções e doenças; melhorando nossa resposta imunológica.

A massagem linfática também promove um intenso relaxamento. Podendo ser muito benéfica para pacientes com câncer, melhorando seu sistema imunológico e sistema linfático.

A técnica da drenagem linfática é executada com movimentos e toques suaves, geralmente circulares e direcionados. Inicia-se o tratamento e toques no pescoço, migrando para demais partes do corpo, finalizando nas extremidades (como as mãos).

Com frequência, a massagem é muito relaxante, podendo se estender por até duas horas cada sessão. E em alguns casos o paciente poderá sentir vontade de urinar, por causa do tratamento com drenagem linfática, devido à expelição das toxinas do corpo.

Após a realização da massagem linfática será necessário um tempo de descanso com hidratação adequada. Após a sessão, o paciente é orientado a beber muito líquido para concluir o trabalho de eliminação das toxinas.

São recomendadas pelo menos duas sessões mensais de massagem (ou drenagem) linfática. E para os pacientes que necessitam de maiores cuidados com algum problema no sistema imunológico, por exemplo, podem ser recomendadas sessões semanais para resultados mais contundentes.

Já a massagem redutora (anti-celulite) não possui toques tão suaves e são menos relaxantes e mais revigorantes.

Na verdade, a massagem é bem mais intensa com a intenção de estimular o sistema circulatório, eliminado a retenção de líquidos, reduzindo a celulite.

Uma das causas mais comuns de celulite é circulação sanguínea inadequada, assim como uma hidratação deficitária. Lembramos também que a celulite se origina com a presença de gordura, somente.

Sessões de massagem redutora duram tipicamente entre trinta a sessenta minutos. E a pressão exercida durante a terapia é regulada de acordo com o tipo de celulite encontrada.

Durante a massagem são realizados movimentos circulares bem intensos, com a finalidade de aumentar a circulação sanguínea local, que facilitará a remoção da retenção hídrica ou remoção de gordura.

Além disso, muitos massagistas também recomendam a realização de atividades físicas entre os dias das sessões para manter a circulação sanguínea ativada no longo prazo, com a redução de ingestão de açúcares e alimentos gordurosos.

Apesar das diferenças notáveis entre as duas modalidades de massagem (linfática e redutora), muitas pessoas ainda se confundem. O importante é notar as diferenças sutis entre as técnicas para se obter os resultado desejados e assim, optar pelo tratamento adequado para atacar o seu problema sem perder tempo.

Compartilhe este conteúdo!

1 Comment

  1. Excelente artigo! Sempre pensei que massagem redutora fosse a mesma técnica da massagem linfática. Além da intensidade da massagem, vejo que as modalidade de diferem por causa da execução dos movimentos. Agora eu entendi como tudo funciona. Obrigado pelos esclarecimentos no texto!!

Deixe uma resposta para Maria Igêns Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *